logo ht Clique aqui para falar conosco

É hora de mostrar força, professores!

5 de Abril de 2018 às 21:14

imagem/audiencia-publica.jpg

Por Thiago Henrique, OAB/MA 10.012

Estão agendadas duas audiências públicas essenciais para discussão e defesa de direitos dos professores públicos estaduais do Maranhão ameaçados pela grave conduta lesiva do Governo do Estado.

Na próxima segunda-feira, dia 09/04 às 09h, na Assembleia Legislativa do Maranhão, está agendada audiência pública para tratar da MP 272/2018 que concede reajuste do piso nacional do magistério relativo ao ano de 2018, mas não paga retroativo à maioria dos professores e não faz qualquer menção aos reajustes de 2016 e 2017.

No dia 20/04 às 15h, também na Assembleia Legislativa do Maranhão, ocorrerá audiência pública sobre o processo de descompressão salarial que vem sofrendo ataque conjunto do Governo do Estado e do Ministério Público Estadual com vistas a barrar o pagamento dos valores devidos aos professores estaduais.

Os deputados Wellington do Curso e Eduardo Braide, membros da comissão de educação da Assembleia Legislativa do Maranhão, mostraram total apoio às reivindicações dos professores estaduais e estão organizando as duas audiências públicas. Veja aqui: https://wellingtondocurso.com.br/deputado-wellington-volta-a-defender-os-professores-do-calote-de-flavio-dino-no-processo-da-descompressao/

Entendemos que a inércia daqueles que, por incumbência legal, deveriam defender e mobilizar a classe dos trabalhadores da educação básica do Estado do Maranhão não pode impedir os interessados de se organizarem para pressionar o cumprimento da legislação que lhes ampara.

É essencial a participação dos professores estaduais nestas duas ocasiões para discutir e defender os interesses da classe sobre estes temas: reajustes do piso nacional não adimplidos e pagamento dos valores da descompressão salarial já reconhecidos pelo judiciário.

Sobre o Piso Nacional do Magistério (Dia 09/04 às 09h, na Assembleia Legislativa)

O Estado do Maranhão, por meio da Medida Provisória 272/2018, concedeu reajuste salarial relativo ao piso nacional do magistério do ano de 2018, mas não vai conceder à maioria dos professores (Professores Nível III) o retroativo a janeiro de 2018.

Ao contrário da maciça propaganda alardeada pelo Governo do Estado, muito embora seja concedido o reajuste do piso do ano de 2018, o Estado deve e não dá qualquer previsão para pagamento dos reajuste do piso dos anos de 2016 e 2017, desrespeitando disposição expressa do Estatuto do Magistério.

Em nosso entender, esta audiência pública do próximo dia 09/04, na Assembleia Legislativa do Maranhão, servirá como momento adequado para cobrar do Governo do Estado o pagamento do retroativo do reajuste de 2018 e a concessão dos reajustes de 2016 e 2017.

Sobre Descompressão Salarial (Dia 20/04 às 15h, na Assembleia Legislativa)

Publicamos em nosso blog (clique aqui para ler) documentos que comprovam a atuação conjunta e orquestrada do Governo do Estado e do MPE, visando pressionar o Tribunal de Justiça do Maranhão, com argumentos extraprocessuais, num claro intuito de obter, de qualquer modo, o impedimento das execuções derivadas do processo n. 14440/2000 (descompressão) e não pagar os professores.

O Deputado Wellington do Curso, integrante da comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Maranhão, está diligenciando para que ocorra audiência pública no dia 20/04, na Assembleia Legislativa do Maranhão, com a finalidade de debater com professores, Governo do Estado, Ministério Público e todos os interessados com vistas a encontrar solução para o pagamento de dívida já reconhecida pelo judiciário a todos os professores públicos do Maranhão.

Este é o momento para todos os interessados no processo da descompressão salarial mostrarem sua força e deixarem evidente ao Governo do Estado que não vão deixar um direito seu, já reconhecido pelo judiciário, ser aniquilado sem uma boa luta.


Avenida Colares Moreira, Edf. Office Tower, Sala 408, Renascença, São Luís - MA, CEP 65075-441
www.henriqueteixeira.adv.br
(98) 3199-7573 / 98776-8113 / 98190-3472